domingo, outubro 14, 2007

Gula é um tipo de luxúria

Imaginem só, um bordel para gourmets: várias mulheres lindas, que cozinham na frente dos clientes, o que eles quiserem. O homem chega e é abordado por uma cafetina gordinha, com discretas cicatrizes de queimaduras nos pulsos, do tempo em que ela era uma jovem sexy imbatível nas frituras. Ela pega o cliente pelo braço e apresenta as meninas;
“Essa ruiva é a Verônica. A mãe era doceira e ensinou tu-do para ela”. A mulher dá uma piscada para o cliente e abaixa a voz. “Minha melhor menina para sobremesas, a especialidade dela é” ela fala mais baixo ainda, quase sussurra “chocolate”. E o cliente arregala os olhos com desejo para a Verônica, que joga o cabelo ruivo e sorri.
Mesma coisa conforme as outras vão sendo apresentadas. Júlia, loira magrinha com sotaque sulista que grelha carnes como ninguém. Vanessa, morena baixinha que é quase reencarnação de Dona Flor, faz uma moqueca de babar. Marie-Élise, francesa com pernas longas e narizinho arrebitado, caríssima, formada na Cordon Bleu. Mariana, uma morena alta de cabelos cacheados, com corpo de passista, que deixa qualquer homem louco com uma combinação de feijoada e quitutes de boteco. Todas elas cozinham e servem a comida usando roupas sexys, aventais curtinhos, saltos - a menos que o cliente prefira que não. Carolina, morena-clara especializada em massas, tinha um que pedia que ela usasse lenço na cabeça, vestido de algodão e chinelo. E depois ela tinha que mandar ele comer, ficando do lado e insistindo até a última migalha.

Todo tipo de tara, sim. “Eu quero duas meninas, para cozinharem juntas e depois darem comida uma na boca da outra, pode ser?” Às vezes alguém solicita uma barwoman, decotada, e ficam pedindo para ela sacudir bem a coqueteleira - especialidade da Suzana, uma mulata alta que realmente, realmente sabe fazer um dry martini.

Os clientes fazem a propaganda para os amigos, discretamente. “Cara, você não imagina! Ela tirou o risoto do fogo e colocou um fio de azeite trufado, achei que eu fosse enlouquecer”. Não existe o risco de se pegar uma doença venérea, mas ai se as esposas descobrem em que nível está o colesterol do infiel! Alguns homens sentem culpa, tentam se justificar durante o ato, molho escorrendo do queixo:

“Sabe, minha mulher não me satisfaz mais. Antes de casarmos, você precisava ver os pavês que ela levava na minha casa! E ainda nos primeiros anos, me fazia cada sanduíche!! Mas de uns tempos para cá... ela vive cansada e quando cozinha, faz umas saladinhas quase sem molho, peito de frango grelhado... diz que nós não somos mais crianças para sair comendo essas coisas pesadas mas puxa... eu tenho necessidades!! Eu preciso de coisas com manteiga de verdade! Preciso de queijo, entende?”

Sempre tem um cliente que olha indeciso para todas as moças, fica meio sem-graça, e cochicha tímido no ouvido da cafetina. Ela sorri do alto da sua experiência e chama:

“Daniela!”

E aparece uma morena carnuda que é a cara da Nigella Lawson. Antes mesmo que alguém diga alguma coisa, a anfitriã tranqüiliza, dando uma cotovelada cúmplice: “Você não vai se arrepender. Ela coloca creme de leite em tudo!”. Nesse ponto, o homem treme de antecipação.
(Esse post é dedicado ao Branco e ao amigo que primeiro ouviu essa idéia, enquanto nós estávamos - claro - comendo.)

16 Comments:

Blogger João said...

Genial! Agora dá para imaginar como seria depois de algum tempo no bordel... surgiririam alguma Palmerinha??
Beijos

11:43 PM  
Anonymous Alexandre S. said...

hahahahaha

1:24 AM  
Blogger João said...

Vou seguir sua dica e conhecer o Darwin Arwards para emitir minha opinião. E onde eu escrevi "surgiriam" acima, favor considerar "surgiria".

Beijos

11:41 AM  
Blogger Branco Leone said...

Sem querer ser repetitivo, que delícia de post. Quem sabe, um dia as revistas de culinária acabarão por virem embrulhadas em plástico preto. Será a glória definitiva da Food Porn!
Obrigado pela saborosa lincadinha.

12:29 PM  
Blogger Paulo Tiago said...

Putz, eu quero a Nigella, mas pode ser chantilly ao invés de creme de leite? hahaha Mas me peguei pensando numa coisa... fotos da Playboy com as moças cobertas por comida seriam um prelúdio disso? E o sushi erótico? Ainda outro dia comi um "steak à Diana".
Mas me peguei pensando numa coisa, também. Não é panela velha que faz comida boa? Credo!

2:44 PM  
Anonymous Patrícia Köhler said...

Alessandra, que post saboroso! (Sim, eu sou suuuper criativa nos comentários... depois gente estranha que não comento muito por aí... :P)...

Muito boas mesmo suas sacadas. =)

12:28 AM  
Blogger Frau Gläser said...

Amei o texto!!!!!!!!!
(Confesso que ao comecar a ler, achei que fosse algum inédito do Veríssimo...)
Parabéns!

11:37 AM  
Anonymous Anônimo said...

sim, alias, vou dizer isso. eu sou rei de desmontar falsos verissimos. nego atribui contos ao verissimo que, pela escolha da palavras, pelo tema, pelas conclusoes, ele jamais escreveria. esse aqui se me dissessem que era dele, eu acreditava. e isso eu digo como um puta elogio!

:)

alex

ps: respondis seu comentario no post das taras lah no LLL

4:46 PM  
Anonymous Társis said...

AHAHAH... muito bom esse texto.
Pensei mil coisas infames, mas.. dexia pra lá.. to precisando evitar calorias.. ¬¬

Bj!

5:41 PM  
Blogger Marinha Maroca said...

Gostei muito do post e do blog. Supercriativo e bem escrito.

7:12 AM  
Anonymous Permafrost said...

HAHAHA

O título me fez lembrar um filme francês de 1952 q venho tentando baixar na internet há meses, chamado Les Sept Péchés Capitaux (não confundir com a versão de 1962 com o mesmo título). O capítulo da Gula faz uma brincadeira muito engraçada com a Luxúria.

9:27 PM  
Anonymous Anônimo said...

Esse não é um post, é um conto inteiro... vc escreve muito bem desse jeito, ficou gostoso de ler, metafórico-humorístico... muito bom!!!

Bjs

Fiu

6:25 PM  
Blogger TININ said...

A IDÉIA É MUITO BOA, ACHO QUE DEVERIA TER SIDO MAIS BEM APROVEITADA, NO SENTIDO DE EROTISMO ENTENTE...PODERIA TER SE DEIXADO LEVAR TAMBEM PELA LUXURIA DO SEXO...O QUER ACOMTECEU DE MAIS QUENTE FOI O INSITH SOBRE MULHERES FOTOGRAFADAS COM COMIDAS...
AFINAL ISTO É UM BORDEL OU NÃO É?
VAI LA GAROTO SEJA MAIS SAFADO ... HAHAHAHA
BEIJINHO
TININ (COROA GOSTOSA DO TEVEJO)

10:54 PM  
Anonymous Anônimo said...

Sobre o Maugham: "O Véu Pintado" se transformou no filme "O Despertar de uma Paixão". Não li o livro. Vi o filme e acho que o título do filme diz muito mais do que o título do romance.
Sobre suas leituras: como voce lê coisas de primeira, vou lhe indicar um flog/blog (na verdade, não é flog nem blog, é uma verdadeira enciclopédia!):
http://fotolog.terra.com.br/outromundo:1

Hasta la vista!

10:32 AM  
Blogger rnt said...

que absurdo!!!

tava lendo esse post muito legal e pensando "vou mandar pro Branco" e eis que no final, ele está dedicado ao sacripanta!!!
hahahaha, que bacana isso! :)
beijos e adorei o texto!

6:37 PM  
Anonymous Anônimo said...

sexchat

erotik camscam girls

Live Girls

9:40 AM  

Postar um comentário

<< Home